Chery Tiggo 2: nova geração revelada com novo visual e mecânica

Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado revela semelhanças até com os SUVs da Hyundai. Uma vez no Brasil, deverá chegar em 2021

O Chery Tiggo 2, menor SUV da marca chinesa, recebe atualizações em seu país de origem. Com nova frente, estreia faróis divididos em dois níveis (os DRLs ficam na parte superior) como na nova geração do Tiggo 7. Na China, passa a se chamar Tiggo 3X Plus, o que sinaliza que o modelo antigo seguirá à venda.

Leia também

A atualização do Chery Tiggo 2 na China não é um indicativo de que ele virá ao Brasil tão cedo. Como é produzido em Jacareí (SP), tudo depende da Caoa Chery fazer o investimento para atualizar o modelo, que uma vez confirmado para vir ao mercado brasileiro, chegará a partir de 2021.

A marca chinesa chama o novo estilo de “Life In Motion 3.0”. Ele também contempla a grade dianteira com pontos cromados que parecem flutuar e o novo para-choque dianteiro. Atrás, não ganha novas lanternas, mas a interligação delas deixa de ser cromada e passa a ser preto brilhante. O para-choque também mudou.

Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação Chery Tiggo 2 reestilizado. Foto: Divulgação

O interior do SUV chinês , por sua vez, ganhou nova central multimídia com tela de 9 polegadas, partida por botão, novo volante com base achatada e os comandos do ar-condicionado também são novos. Controle de estabilidade e freio de estacionamento elétrico também são novidade.

A Chery chegou a testar um novo motor 1.0 turbo, de três cilindros, no Chery Tiggo 2, mas manteve o 1.5 aspirado, de 116 cv no fim das contas, oferecido tanto com câmbio manual de cinco marchas como um automático de quatro.

A versão elétrica será atualizada mais tarde. O Chery Tiggo 3X Plus começa a ser vendido na China entre outubro e novembro. De acordo com a imprensa chinesa, terá o mesmo preço base do modelo antigo: 50.000 yuans (ou R$ 39.150 na conversão direta).

Fonte: carros.ig.com.br/2020-08-17/chery-tiggo-2-tem-nova-geracao-revelada-com-visual-e-mecanica-renovados.html