Bebê de apenas 40 dias morre de Covid-19, mãe faz alerta e comove com desabafo: ‘Estou arrasada’

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Uma recém-nascida de apenas 40 dias de vida morreu vítima da Covid-19. O caso aconteceu na cidade de Campo Grande, nesta última segunda-feira, 12 de abril. A mãe da pequena, Stefanine Almeida, falou que a filha precisou ficar intubada por 10 dias e infelizmente não resistiu as complicações da doença. Ela contou que o enxoval da pequena estava todo preparado, mas tudo teve que ser cancelado.

A pequena Isadora nasceu no começo do mês de março e depois de 15 dias a criança começou a apresentar sintomas do novo coronavírus. A família procurou ajuda no Hospital Infantil do município, porém o quadro clínico da bebê acabou piorando, ressaltou a mãe. Devido à piora, Isadora precisou ser intubada.

“Eu já sabia que ia acontecer o pior, recebemos a notícia hoje. Eu achei estranho o hospital pedir para ir visitar ela”, desabafou a mãe com a voz embargada. Depois disso a mulher recebeu a notícia do falecimento da criança. A recém-nascida era a segunda filha de Stefanine que ressaltou durante uma entrevista concedida ao portal de notícias G1 que se sentiu impotente diante da situação.

var vitag = vitag || {};
vitag.outStreamConfig = {
distanceBottom: 65, // 0- 120 px,
}
vitag.videoDiscoverConfig = { random: true, noFixedVideo: true }; (vitag.Init = window.vitag.Init || []).push(function () { viAPItag.initInstreamBanner(“vi_937432432”) });
(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1021620.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

imagem13-04-2021-11-04-31

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

“Estou arrasada, porque eu não pude fazer nada. Fiquei com ela 15 dias e voltou para o hospital, ficou mais lá [hospital] do que comigo”, frisou a mulher. O sepultamento da filha vai acontecer em Presidente Venceslau, que fica localizado no interior do estado de São Paulo, onde os avós paternos moram.

Mesmo sofrendo com a dor da perda da filha recém-nascida, a mulher fez questão de fazer um alerta a população sobre os cuidados em relação ao vírus. Ela pediu que as pessoas tenham mais consciência e frisou que as crianças também ficam mal por causa da enfermidade. Inclusive, Stefanine disse que acreditava que os pequenos que pegavam o vírus não tinham nenhum tipo de problema, porém ela pôde perceber que a situação é muito mais grave.

Continue Lendo Comunicar Erro
(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1014215.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
var script=document.createElement(‘script’);script.src=’https://backstage.i7.network/tags/728a61cb4d272644/index.js?rd=’+(Math.random()*10000000000000000);document.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(script);script.onload=function(){new i7Tag({‘placement’:’i7_articles_feed’});}
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Fonte: I7NEWS.COM.BR