Ataque em SC: último adeus às vítimas será em velório coletivo em ginásio de Saudades

Cinco pessoas morreram no ataque a uma creche da cidade de Saudades, localizada no oeste de Santa Catarina, na manhã desta terça-feira (4). Fabiano Kipper Mai, de 18 anos, invadiu a escola de educação infantil armado com duas facas e fez cinco vítimas fatais.

A primeira a ser atacada foi a professora Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos. Ela correu até uma das salas. O suspeito foi atrás e atacou algumas crianças. Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses, Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses, e Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses, morreram.

A agente educacional Mirla Amanda Renner Costa, de 20 anos, também foi atacada e não resistiu aos ferimentos. O suspeito tentou tirar a própria vida, mas foi impedido. Ele foi levado a hospital de Pinhalzinho e, depois, foi transferido para Chapecó, principal cidade do oeste do estado.

Velório coletivo na cidade de Saudades

A cidade de Saudades tem menos de 10 mil habitantes e não está acostumada à rotina de violência. Isso torna o caso ainda mais terrível. Nesta quarta-feira, os corpos das vítimas deve ser velado no ginásio Teobaldo Hermes, que é usado como arena de exposições.

Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Chapecó. Um micro-ônibus levou familiares ao local para reconhecer as vítimas. Os corpos seriam liberados às 21h de ontem. O velório deve movimentar a saudade que chora a morte de seus filhos. Em frente à creche, pessoas fizeram homenagens às vítimas. Não foi informado horário do enterro.

Continue Lendo Comunicar Erro

Fonte: I7NEWS.COM.BR