Laudo do IML mostra o que matou Kathlen, jovem grávida que levou tiro no RJ

A morte da jovem Kathlen Romeu, de 24 anos, repercute em todo o Brasil. Ela foi baleada no Complexo do Lins, zona norte do Rio de Janeiro, na terça-feira (8). Kathlen estava grávida de quatro meses e havia se mudado da comunidade com a família, devido à violência.

Na última terça-feira, Kathlen foi visitar a avó e as duas estavam indo para uma casa da tia da jovem. No meio do caminho, houve um tiroteio entre policiais e bandidos. Inicialmente, foi noticiado que a polícia realizava uma ação na comunidade.

A Polícia Militar afirmou que não havia ação e que os policiais foram surpreendidos por traficantes armados, que começaram a atirar. Os policiais, então, tiveram que se defender. Kathlen ficou no meio do fogo cruzado, levou um tiro e não resistiu aos ferimentos, apesar de ter sido socorrida pela polícia e levada ao hospital.

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1021620.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

IML do Rio divulga laudo sobre morte de Kathlen

O Instituto Médico Legal (IML) do Rio de Janeiro divulgou laudo em que afirma que um tiro de fuzil, que atingiu o peito de Kathlen, foi o responsável pela morte da jovem e do bebê que ela gerava. Nas redes sociais, famosos e anônimos pedem por justiça em mais um caso de morte por bala perdida na Cidade Maravilhosa.

O enterro do corpo de Kathlen foi realizado nesta quarta-feira (09) e contou com grande comoção de familiares e amigos, que foram se despedir da jovem, que sonhava ser blogueira e influencer digital. A polícia investiga de qual arma partiu o disparo que acabou sendo fatal para Kathen Romeu e seu bebê.

Continue Lendo Comunicar Erro
(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1014215.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://assets.revcontent.com/master/delivery.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
var script=document.createElement(‘script’);script.src=’https://backstage.i7.network/tags/728a61cb4d272644/index.js?rd=’+(Math.random()*10000000000000000);document.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(script);script.onload=function(){new i7Tag({‘placement’:’i7_articles_feed’});}
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Fonte: I7NEWS.IG.COM.BR