‘Fantástico’ comete gafe e mata personagem de Lima Duarte

Reprodução/Globo “Meu Bem, Meu Mal”


A novela ” Meu Bem, Meu Mal “, que foi ao ar pela primeira vez em 1990 no horário das 21 horas, poderá ser revisitada no Globoplay. Para comemorar, o “Fantástico” fez uma reportagem especial sobre a trama no último domingo (4), mas cometeu alguns equívocos.

Leia também

Na matéria, Dom Lázaro, personagem de Lima Duarte , é dado como morto e tratado como vilão. As informações, no entanto, não condizem com o desenrolar da trama. No folhetim, ele é retratado como uma pessoa bastante dura e amarga, mas suas ações não são vistas como vilania.

Após o personagem sofrer um derrame e se recuperar, surgiu uma das cenas mais icônicas da teledramaturgia brasileira, quando ele fala sua primeira frase: “Eu prefiro melão”. Mas, no ” Fantástico “, o personagem de Lima foi dado como morto. “Dom Lázaro acabou indo de uma dessa para melhor. Aí começa uma história de quem vai ficar com as ações da empresa, se alguém matou Dom Lázaro e não poderia faltar o mordomo que sabe tudo”, explicou a reportagem.

Contudo, o personagem de Lima Duarte não morre na produção. Os internautas fizeram questão de apontar os erros da reportagem e de reafirmar que o icônico empresário Dom Lázaro ficou vivíssimo na trama.






Fonte: gente.ig.com.br/tvenovela/2020-10-05/fantastico-comete-gafe-e-mata-personagem-de-lima-duarte.html