Erro quase tira 7 titulares do Red Bull contra o Corinthians

Rodrigo Coca/Agência Corinthians Corinthians x Red Bull Bragantino

Um erro no reagente de identificação do novo coronavírus (Sars-CoV-2) fez o Hospital Albert Einstein errar os resultados de 26 testes feitos com jogadores e comissão técnica do Red Bull Bragantino , antes da partida contra o Corinthians . A informação é do Globo.

Segundo o clube, os atletas (incluindo sete titulares) não participaram dos treinos e só puderam jogar após os exames feitos no dia da partida darem negativo. A equipe médica do Red Bull Bragantino estranhou o diagnóstico do Albert Einstein, pois testes para Covid-19 são realizados duas vezes por semana nas instalações.

O Bragantino, portanto, testou os jogadores em outro laboratório, descobrindo que os exames eram negativos para o novo coronavírus. O Albert Einstein, laboratório designado pela Federação Paulista de Futebol, refez os testes no dia da partida, identificando os “falsos positivos”.

“Na quinta-feira, dia 30, o Red Bull Bragantino solicitou um novo teste destas amostras, que foram coletadas e processadas no mesmo dia. No novo processamento, estas amostras resultaram negativas”, informa o Albert Einstein. Segundo o hospital, o equipamento para testagem da Covid-19 foi importado com defeito.

Fonte: ESPORTE.IG.COM.BR