Ex-jogador do Shakhtar Donetsk morre em guerra na Ucrânia

Divulgação Ucrânia segue sendo bombardeada pela Rússia

Os conflitos entre Rússia e Ucrânia já chegam ao 16º dia, e, sem previsão de fim, continua deixando vítimas. Na manhã desta sexta-feira (11), o perfil oficial do Shakhtar Donetsk, um dos principais clubes da Ucrânia, anunciou que um ex-jogador do clube perdeu a vida durante o cerco russo às cidades de Kherson e Kharvov. Trata-se do ex-atacante Vladimir Rogovskiy, que defendeu a equipe de 1975 a 1982. Confira a publicação:

“Nossas mais profundas condolências à família e amigos de Vladimir Rogovskiy. Agradecemos a sua memória. O atacante jogou pelo Shakhtar de 1975 a 1982, participou de 224 jogos e marcou 25 gols. Com a equipe, ele foi duas vezes vice-campeão no Campeonato da URSS (1975, 1979) e levantou a Copa da URSS (1980). Vladimir marcou o primeiro gol do Shakhtar nas competições europeias”, declarou o Shakhtar Donetsk em um comunicado oficial.

Leia Também

Veja abaixo galeria de fotos do estádio do clube ucraniano Desna, que foi bombardeado pela Rússia:


Vladimir Rogovskiy não é a primeira pessoa do mundo do futebol a falecer por conta dos ataques lidarados por Vladimir Putin. Vitalii Sapylo, de 21 anos, que atuava nas categorias de base do Karpaty Lviv e  Dmytro ‘Dima’ Martynenko, de 25 anos, que chegou a jogar no FC Gostomel, também perderam a vida por causa dos bombardeios.

Fonte: ESPORTE.IG.COM.BR