Conselho eleitoral proclama Guillermo Lasso como presidente do Equador

 Conselho eleitoral proclama Guillermo Lasso como presidente do Equador Reprodução/Wikimedia Commons Conselho eleitoral proclama Guillermo Lasso como presidente do Equador

O Conselho Nacional Eleitoral (CSN) do  Equador proclamou, por unanimidade, a vitória de Guillermo Lasso como novo presidente do Equador. O candidato de direita venceu o segundo turno das eleições por uma margem de 4,72% de diferença.

Diana Atamaint, titular do órgão eleitoral federal, reconheceu o resultado das eleições e desejou sucesso ao novo presidente. Confira a publicação:


Lasso é o principal líder do movimento Criando Oportunidades (Creo) e obteve 4,7 milhões de votos (52,36%). Seu adversário na disputa, o economista de esquerda Andrés Arauz, angariou 4,2 milhões de votos dos eleitores aptos a votarem (47,64%).

Com isso, o secretário do CNE, Santiago Vallejo, realizou uma audiência pública e anunciou que, “com cinco votos ( unanimidade ) a favor, aprova-se o relatório dos resultados finais e se proclama os resultados numéricos totalizados”.

Guillermo Lasso irá suceder Lenín Moreno, ex-vice presidente do país entre 2007 e 2013. Seu mandato será de quatro anos e irá terminar em 24 de maio de 2025.

Fonte: ULTIMOSEGUNDO.IG.COM.BR