Cumbre Vieja diminui atividade e fim da erupção pode estar próximo

Vulcão Cumbre Vieja, situado na ilha de La Palma Reprodução Vulcão Cumbre Vieja, situado na ilha de La Palma

Após três mese em atividade, o vulcão Cumbre Vieja, localizado na ilha espanhola de La Palma, apresentou uma diminuição em sua atividade. Segundo cientistas, se esses baixos níveis de atividade permanecerem por 10 dias, será possível confirmar o fim da erupção. 

Há dois dias sem apresentar atividade signficativa, o vulcão foi observado por meio de drones. A primeira filmagem do interior de uma das crateras foi publicado pelo Instituto de Vulcanologia das Ilhas Canárias, Involcan:

Esse é o maior período sem tremores desde o início da erupção no dia 19 setembro . 

Mesmo que o cientistas não tenham encontrado nada além de vapores ocasionais, as autoridades alertaram que os próximos dias serão importantes, pois é comum que um vulcão volte a expulsar lava.

Leia Também

Em entrevista à Reuters, o geólogo Eumenio Ancoechea disse que não é aconselhável colocar esperança no fim da erupção. “A melhor coisa a fazer é não dar falsas esperanças, por exemplo, na erupção de 1949, ela parou por vários dias e, vários dias depois, foi reativada”, disse.

A atividade do Cumbre Vieja causou a destruição de milhares de prédios e residências, milhares de pessoas foram evacuadas e mais de 48 hectares foram atingidos pela lava do vulcão.


Fonte: ULTIMOSEGUNDO.IG.COM.BR