Mais sete manifestantes são mortos em Mianmar durante escalada da repressão

Foto: Reprodução/Internet Protestos vêm se espalhando desde que militares tomaram o poder e prenderam a cúpula do governo

Ao menos sete manifestantes foram mortos neste domingo (28) pelas forças de segurança em Mianmar, no dia mais violento dos protestos contra o regime militar.

Os protestos ocorrem porque os militares assumiram o poder após o golpe de Estado de 1º de fevereiro, informaram as equipes de emergência e um ex-deputado.

O golpe, que interrompeu as tentativas de democracia após quase 50 anos de regime militar no país, atraiu centenas de milhares de pessoas às ruas e foi condenado por países ocidentais.

Você viu?

De acordo com a imprensa local, vários feridos foram arrastados por outros manifestantes, deixando manchas de sangue nas calçadas. Um homem morreu depois de ser levado a um hospital com uma bala no peito, disse um médico que pediu para não ser identificado.

Vídeos publicados nas redes sociais flagraram a escalada de confrontos entre as forças de segurança. 

Veja (imagens fortes):


Fonte: ULTIMOSEGUNDO.IG.COM.BR