Brasil é incluído pelos EUA em lista para receber vacinas contra Covid

Chegada das vacinas contra a Covid-19 no Aeroporto Afonso Pena em Curitiba.| Foto: Geraldo Bubniak/AENOuça este conteúdo

O Brasil foi incluído pelo governo dos Estados Unidos na lista de países que receberão vacinas contra Covid-19 da Johnson & Johnson (J&J), Pfizer e Moderna. Dentre as vacinas doadas via Covax Facility, da Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente 6 milhões de doses irão para América Latina e o Caribe, incluindo o Brasil.

Pelo menos 75% das 25 milhões de doses iniciais de vacinas a serem enviadas, quase 19 milhões, serão compartilhadas por meio da iniciativa Covax. O coordenador da força-tarefa de combate à Covid-19, Jeff Zients, afirmou que 1 milhão de doses da Johnson e Johnson estão sendo carregadas nesta quinta-feira (3) para a Coreia do Sul.

Outros países que serão beneficiados com a doação de vacinas pelos EUA são: Argentina, Colômbia, Costa Rica, Peru, Equador, Paraguai, Bolívia, Guatemala, El Salvador, Honduras, Panamá, Haiti e outros países da Comunidade Caribenha (Caricom), além da República Dominicana.

O Sul e Sudeste Asiático vão receber 7 milhões de doses e, aproximadamente 5 milhões, a África. Os 25% remanescentes, cerca de 6 milhões, serão compartilhados com países que estão passando por surtos, em crise e outros parceiros e vizinhos, incluindo Canadá e México, além de Índia e Gaza.

A Casa Branca reforçou ainda que, até o fim do junho, os EUA irão compartilhar 80 milhões de doses da sua oferta de vacinas com o mundo.

0xCompartilhe

Fonte: GAZETADOPOVO.COM.BR