Brasileiro morre ao tentar salvar filhos de afogamento na Itália; cunhada desabafa: 'Um herói'

O catarinense Felipe Thomazelli, de 31 anos, foi vítima fatal de um trágico afogamento ocorrido na última semana na cidade de Stresa, na Itália, enquanto estava nadando com os filhos de 8 e 11 anos, no Lago Maggiore. Segundo informações do jornal “Corriere Torino”, o brasileiro teria passado mal.

Neste momento, ele teria pedido ajuda para outros banhistas para salvar os filhos das águas. Eles socorreram as crianças, mas não encontraram Felipe, que acabou sendo puxado pela correnteza. 

Equipes de socorristas foram acionadas para o local, e somente depois de duas horas de buscas, o corpo do brasileiro foi encontrado. Felipe sabia nadar, fato que aumenta ainda mais a suspeita das autoridades de que ele tenha passado mal no lago, que figura como um dos principais pontos turísticos da região. O caso será investigado. 

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1021620.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Desabafo

Em entrevista ao portal “NSC Total”, a cunhada de Felipe Thomazelli lamentou a tragédia, e lembrou da relação próxima que tinha com ele. 

“Ele era como um irmão para mim. O que posso dizer é que o Felipe morreu mostrando o que ele sempre foi: um herói. Um cara batalhador e trabalhador que largou tudo para dar uma vida melhor para a família”, desabafou a cunhada. 

Assistente de cozinha, Felipe morava com a esposa Sara e três filhos em Stresa há cerca de 2 anos. Em um primeiro momento, ele viajou sozinho para o país europeu para buscar uma vida melhor. Quando se estabilizou e teve condições buscou a família. 

Segundo informações repassadas por familiares, Felipe estava bem próximo de ser promovido na empresa que trabalhava, recebendo um cargo superior em uma nova loja que o restaurante abriria. A prefeitura de Stresa, e moradores da região já se mobilizaram para ajudar a esposa da vítima em campanhas de arrecadação. 

Continue Lendo Comunicar Erro
(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1014215.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://assets.revcontent.com/master/delivery.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
var script=document.createElement(‘script’);script.src=’https://backstage.i7.network/tags/728a61cb4d272644/index.js?rd=’+(Math.random()*10000000000000000);document.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(script);script.onload=function(){new i7Tag({‘placement’:’i7_articles_feed’});}
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Fonte: I7NEWS.IG.COM.BR