Taiwan envia jets para conter 29 caças chineses que sobrevoam a costa

Reprodução/Ministério da Defesa da China Avião J-16 da China; modelo foi visto em Taiwan

O Ministério da Defesa de Taiwan informou que seis bombardeiros com escoltas de caça voaram fizeram um voo de intimidação no  Oceano Pacífico  entre Taiwan e Filipinas. Taiwan enviou os jets na tentativa de afastar o esquadrão chinês com o uso de sistemas de mísseis para rastreá-los. Segundo Taipei, este foi o terceiro maior grupo de aeronaves chinesas a entrar no espaço aéreo taiwanês este ano. 

A China justificou aumento da atividade militar confirmando sua tentativa de deter ‘ atividades de conluio  entre forças de independência de Taiwan  e o governo dos EUA’  que se comprometeu a vender mais armamento para a ilha. O presidente dos EUA, Joe Bidendisse em março que tem obrigação de se envolver em qualquer conflito entre a China e Taiwan.  No ano passado, a presidente de Taiwan, Tsai Ing-wendisse que tinha “fé” de que os EUA interviriam.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: ULTIMOSEGUNDO.IG.COM.BR