Rússia anuncia falta de médicos durante segunda onda da Covid-19

Luciano Rodrigues Rússia registra pressão no sistema de saúde

A segunda onda da Covid-19 na Europa, que atinge o sistema de saúde de vários países, é responsável pela falta de médicos na Rùssia. De acordo com o governo do país, a quantidade de profissionais já é menor do que o necessário para lidar com a crise durante a pandemia.

Leia também

A Rússia chegou a registrar, em um único dia, mais de 18 mil novos casos da doença, sendo 5 mil apenas na capital Moscou. A média diária de mortes no país é de 300 óbitos por dia, ainda de acordo com autoridades locais.

Além da Rússia, outros países europeus registram problemas para lidar com a nova onda da doença. Na quarta-feira, a Comissão Europeia propôs novas isenções de impostos e medidas comerciais para manter o fornecimento de equipamentos e acessórios médicos.

Fonte: saude.ig.com.br/coronavirus/2020-10-30/russia-anuncia-falta-de-medicos-durante-segunda-onda-da-covid-19.html