Variante delta da Covid-19 se espalha também em populações vacinadas; OMS faz alerta sobre nova cepa

O mundo ainda precisa continuar em alerta por causa da pandemia do coronavírus. Mesmo com a esperança que a vacina trouxe para a sociedade, as medidas de prevenção continuam sendo importantes até o momento. Principalmente, os países em que o contágio continua alto, como ainda é o caso do Brasil.

O país já ultrapassou a marca de 500 mil mortos pelo vírus e o contágio ainda é alta. Especialistas já alertaram para a possibilidade de uma terceira onda da doença, pois o país está entrando no inverno, período em que há um aumento dos casos de problemas respiratórios, como gripes e resfriados.

OMS alerta sobre nova variante

Tedros Adhanom, que é o diretor-geral da OMS – Organização Mundial de Saúde, afirmou que a variante delta do coronavírus, é a mutação mais transmissível que já foi registrada desde que iniciou a pandemia. A nova cepa já está circulando em pelo menos 85 países no mundo todo.

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1021620.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Ainda de acordo com Tedros Adhanom, essa variante tem se espalhando inclusive em populações que já foram vacinadas contra o vírus da Covid-19. “Há grande preocupação pela variante delta, e a OMS também está preocupada”, explicou o diretor da instituição. Ele reforçou o pedido de doação de mais doses da vacina para os países de renda baixa durante a coletiva de imprensa que ocorreu nesta sexta-feira, 25 de junho.

Já em uma entrevista coletiva que ocorreu no início da semana, Maria Van Kerkhove, que é líder técnica da Organização Mundial de Saúde, tinha falado que a variante delta estava circulando por 92 países. O comando da organização não fez nenhum comentário sobre a revisão desse número para baixo, conforme foi declarado por Tedros.

Vale ressaltar que mesmo as pessoas que já se vacinaram contra a Covid-19 precisam manter os mesmos cuidados para evitar o contágio do vírus.

Continue Lendo Comunicar Erro
(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1014215.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://assets.revcontent.com/master/delivery.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
var script=document.createElement(‘script’);script.src=’https://backstage.i7.network/tags/728a61cb4d272644/index.js?rd=’+(Math.random()*10000000000000000);document.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(script);script.onload=function(){new i7Tag({‘placement’:’i7_articles_feed’});}
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Fonte: I7NEWS.IG.COM.BR