Zuckerberg influenciou Trump em banimento do TikTok, diz jornal

Unsplash/Kon Karampelas Zuckerberg pode ter influenciado Trump no banimento do TikTok

Mark Zuckerberg , CEO do Facebook , teria influenciado Donald Trump a ficar atento a novas tecnologias chinesas, como o TikTok . De acordo com o jornal The Wall Street Journal, Zuckerberg usou um jantar na Casa Branca em outubro passado para dizer ao presidente que as empresas da China seriam uma ameaça aos negócios norte-americanos.

Leia também

De acordo com fontes ouvidas pelo jornal, o CEO do Facebook teria dito que o governo dos EUA deveria restringir a atuação de companhia chinesas. Ele teria acrescentado, ainda, que essa medida era mais importante do que controlar o próprio Facebook.

No encontro, Zuckerberg teria citado especificamente o TikTok , da chinesa ByteDance. O aplicativo , que tem se tornado um concorrente direto do Facebook, foi  obrigado por Trump a vender suas operações nos EUA para não ser banido. 

Depois da publicação da reportagem, o assessor comercial da Casa Branca, Peter Navarro, disse ao site CNBC que Zuckerberg não influenciou Trump no banimento do TikTok . Já um porta-voz do Facebok afirmou que “é absurdo sugerir que as preocupações de longa data com a segurança nacional — levantadas por legisladores em ambos os lados do corredor — foram moldadas apenas pelas declarações de Mark.”

Fonte: tecnologia.ig.com.br/2020-08-25/zuckerberg-influenciou-trump-em-banimento-do-tiktok-diz-jornal.html