Gata é o primeiro animal no Brasil a ser diagnosticado com Covid-19 e acende alerta vermelho aos brasileiros

O primeiro animal diagnosticado com Covid-19 no Brasil é uma gata recém-nascida que contraiu o coronavírus de seus donos. A descoberta foi feita por cientistas da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT), localizada em Cuiabá, capital do estado. Exames constataram a existência do agente infeccioso no animal doméstico, acendendo um alerta preocupante para a população brasileira.

Toda a família da gata foi diagnosticada com Covid-19, incluindo um casal e uma criança. Informações apuradas pelo portal O Globo sinalizam que os adultos tiveram reações provocadas pela Covid-19 por meio da apresentação de sintomas tradicionais da síndrome respiratória aguda. O animal doméstico e a criança, por sua vez, permaneceram assintomáticos.

Valéria Dutra, professora da UFMT e responsável por relatar o caso, sugeriu para a família que a testagem fosse feita no animal, uma vez que a gata mantinha um contato próximo com todos os familiares e, havendo relatos ao redor do mundo de animais domésticos diagnosticados com o agente infeccioso, o teste seria bastante prudente.

No Mesmo caso, os investigadores estão avaliando a possibilidade de outro gato e um cachorro também terem sido infectados pelo coronavírus. Os animais são de propriedade de amigos da família que estiveram em uma festa realizada no mês de setembro, a qual teria possivelmente resultado no contágio.

O primeiro caso de um gato infectado pelo coronavírus aconteceu na Bélgica, em meados de março, quando a pandemia chegava ao Brasil. Em outros países do mundo, situações parecidas aconteceram. Até o momento, não existem estudos conclusivos capazes de apontar o potencial de animais domésticos em transmitirem o agente infeccioso para seres humanos.

 

Fonte: www.i7news.com.br/