Ação das Polícias Militar, Federal e Civil resulta na apreensão de 80 quilos de droga jogados em solo rondoniense por aeronave

Ação conjunta da Polícia Militar, Polícia Federal e Polícia Civil resultou na apreensão de 80 quilos de entorpecente lançados por um avião 

O combate ao trafico de droga tem sido uma das prioridades do governo Rondônia na questão da segurança pública e, para isso, vem desencadeando ações rápidas na apreensão de entorpecentes, a exemplo do que aconteceu na manhã de sexta-feira, 24, quando foram apreendidos 80 quilos de substância aparentando ser cocaína. A apreensão aconteceu no distrito em São Luiz, pertencente ao município de Alto Alegre dos Parecis, após uma intensa investigação com a participação da Polícia Militar, Polícia Federal e Polícia Civil.

Segundo informações da apreensão, todo o carregamento foi apreendido após ser arremessado de uma aeronave, provavelmente de procedência boliviana. Toda a ação é reflexo das medidas de combate ao tráfico desencadeado pelo governo, por meio da Secretaria de Estado, Defesa e Cidadania (SESDEC) com o intuito de coibir ilícitos na região de fronteira de Rondônia.

A operação teve participação efetiva do 10° Batalhão de Polícia Militar, Polícia Federal, Polícia Civil, Batalhão de Polícia de Fronteira e Divisas (BPFron). Uma ocorrência policial foi registrada na Delegacia de Polícia Civil, no município de Santa Luzia do Oeste. Todo o entorpecente apreendido foi encaminhado até a UNISP, em Rolim de Moura. Três pessoas que estavam aguardando a entrega da droga no solo foram presas durante a operação.

Na Unidade Integrada de Segurança Pública foi realizada uma coletiva de imprensa, que contou com a participação de várias autoridades: secretário de Segurança Pública do Estado, coronel PM José Hélio Pachá; comandante-geral da Polícia Militar, coronel PM Alexandre Luís de Freitas Almeida; comandante do 10° Batalhão de Polícia Militar, major PM Thiago Campos; do subcomandante do BPFron, tenente PM Ferraz e do Delegado Regional de Polícia Civil, Mário Henrique.

Na coletiva, o comandante da PMRO, coronel PM Almeida, destacou o empenho de cada policial durante a operação que resultou na grande quantidade de entorpecente apreendida e destacou que esse é o modelo de polícia defendido pelo governo de Rondônia, ou seja, com policiais integrados e trabalhando para que juntos o Estado possa vencer a guerra contra o crime e, especificamente, contra o tráfico de droga.

 

O secretário de Sesdec, coronel Pachá, destacou que o governo de Rondônia estará sempre atento no combate à criminalidade e que não prosperará no Estado nenhum tipo de crime e enalteceu a ação rápida das polícias. Vale ressaltar que as operações de combate ao tráfico internacional de drogas permanecerão.

 

Tweet Buffer

Fonte: PM.RO.GOV.BR