Pimenta Bueno: “Águas do abuso” o Reflexo do que já foi com a mesma realidade

Pimenta Bueno, cidade com quase 40 mil habitantes, banhada por dois rios abundantes, Rio Pimenta e o Rio Barão de Melgaço os quais se juntam e formam o Rio Machado, a cidade é praticamente uma ilha, sendo assim, água não é o problema, certo? … Errado.

Vamos lá, há um tempo atrás este município enfrentou muitos problemas com a antiga prestadora de serviços de água e esgoto, os nobres vereadores na época apresentaram a “Grande Solução” para tudo, era o fim da falta de água, era o fim da água sem qualidade, era o fim do abuso nas contas.

 Pois bem, a nova empresa já chegou em meio a problemas, a falta de água em seu início foi ainda mais recorrente do que nos tempos da antiga, tanto que na ocasião uma matéria com o título “Pimenta Bueno uma Ilha sem água” foi veiculada, protestos nas redes sociais e até em frente à sede da empresa aconteceram.  Em meio a turbulência a empresa se apressou em instalar uma nova ETA (Estação de Tratamento de água).

 Por um curto período os problemas praticamente desapareceram, mas o tempo passou e os problemas foram aumentando, as reclamações nas redes sociais foram crescendo e hoje são freqüentes as insatisfações na internet. As mais comuns são “Vento encanado”, “água suja”, “Falta de água” e “abuso no valor da conta”.

Contudo a população pimentense se mostra bastante insatisfeita com os serviços prestados pela atual prestadora de serviços, a qual viria para ser a “salvadora da pátria” quanto aos serviços de água e esgoto de Pimenta Bueno, ah!, falando esgoto, saneamento básico, a pergunta que fica é: A mesma empresa é ou não responsável pela rede de tratamento de esgoto desse município? Havia ou não uma meta anual para construção de rede de esgoto com tratamento de água?   e por último, se sim por que não estão fazendo?.

 O fato é que o novo e o antigo se fundem nos mesmos problemas, e a população mais uma vez paga a conta.

 Assim como aconteceu com antiga empresa que perdeu seu posto por não atender as necessidades de Pimenta Bueno, que atual prestadora de serviços abram os olhos, pois, talvez, quem sabe seja o caso de uma nova troca.

Pimenta Virtual – Da Redação / Fábio Matias