Caminhoneiro de Pimenta Bueno que se envolveu em acidente na BR 435 pode ter morrido por afogamento

Vítima de 30 anos perdeu o controle da direção em uma curva

Está sendo submetido a necropsia em Vilhena, e será levado para a cidade de Pimenta Bueno, onde morava, o corpo do caminhoneiro Denilson de Jesus Marcílio, de 30 anos, que morreu ontem à noite na BR 435, que liga a 364 a outras cidades do Cone Sul de Rondônia.

Segundo informações obtidas pelo site, o motorista não conseguiu fazer uma curva no “Morro dos Crentes” e perdeu o controle da direção.

O caminhão conduzido por Denilson levava uma carga de tijolos de Pimenta Bueno para Cerejeiras. Relembre o caso

Pessoas que ajudaram a resgatar o caminhoneiro disseram que, após o veículo tombar, ele ficou preso às ferragens e com a cabeça dentro da água de uma espécie de lago próximo.

O Atestado de Óbito deverá informar se a morte decorreu dos ferimentos ou de afogamento.


Fonte: Folha do Sul
Autor: Da redação