Menina viraliza com tabela improvisada em Rondônia e é presenteada por campeã do Pan

Nos fundos de casa, cercada por muros de tijolo e cimento aparente na cidade de Porto Velho, em Rondônia, a pequena Hadassa Bruna está decidida a ser jogadora de basquete. O cenário pode não ser ideal para um começo promissor no esporte, mas a dificuldade tem sido tirada de letra e com criatividade pela família da garotinha de apenas 6 anos.

Se não há quadra disponível e se tempos de pandemia não permitem tantas alternativas, o jeito é improvisar. Matheus Gama, tio de Hadassa, construiu uma tabela com pedaços de madeira e um balde nos fundos de casa para incentivar a sobrinha.

O improviso viralizou e rendeu mais que uma perspectiva de treino e diversão. Rendeu também uma inesperada conexão com Tainá Paixão, armadora da seleção feminina de basquete e campeã nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. Justamente quem a menina mais gosta no basquete.

Hadassa Bruna é fã de Tainá Paixão e da seleção feminina de basquete — Foto: Arquivo pessoal

Tabela improvisada e “encontro” especial

No início do mês, Matheus postou no Twitter fotos da tal tabela improvisada nos fundos da casa de Hadassa. Misto de simplicidade e determinação, a publicação acabou tomando a comunidade do basquete nas redes sociais, chegando ao conhecimento da Liga de Basquete Feminino (LBF) e da Confederação Brasileira de Basquete (CBB).

– Ela decidiu treinar todos os dias comigo, disse que quer ser jogadora de basquete, então decidi incentivá-la e treinar com ela […] Nem sempre teremos os melhores lugares para treinar. Mas treinaremos em qualquer lugar para sermos melhores. Que a cada dia ela aprenda algo novo para ser melhor lá na frente. “Hadassa gama”, quero que ela chegue longe – escreveu Matheus.

Hadassa arremessa em tabela improvisada pelo tio — Foto: Arquivo pessoal

Apesar da pouca idade, a menina já escolheu suas referências na caminhada para ser uma atleta profissional. Hadassa é fã de Tainá Paixão, armadora do Sampaio Corrêa Basquete, do Maranhão, e da seleção brasileira campeã nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. Entusiasmada com a história de Hadassa, Tainá resolveu presenteá-la em parceria com a LBF: bola oficial, camisas autografadas e uma mensagem especial.

G1/RO