Neymar pode fazer história e passar Ronaldo em gols pela Seleção; Pelé lidera

Lance! Neymar pode igualar Ronaldo Fenômeno em gols pela Seleção e ficar atrás somente de Pelé

 

A seleção brasileira entra em campo nesta terça-feira, às 21h, diante do Peru, pela segunda rodada das Eliminatórias da Copa , e Neymar pode atingir uma marca que ficou ‘no quase’ na estreia contra a Bolívia. O camisa 10 está a apenas um gol de igualar Ronaldo Fenômeno como o segundo maior artilheiro da seleção, ficando atrás somente do Rei Pelé .

Neymar tem 61 gols em 102 partidas pela Seleção, enquanto Ronaldo marcou 62 vezes em 98 duelos. No último jogo, diante da Bolívia, o craque foi o jogador mais ativo da seleção brasileira, buscando espaços, criando, dando dribles e finalizando, mas não saiu o esperado 62º gol. Apesar de não marcar, deu duas assistências na partida e participou diretamente de outro gol.

 

Caso consiga balançar as redes contra o Peru e se igualar a Ronaldo, Neymar terá ‘somente’ Pelé na sua frente. O Rei do futebol precisou de menos jogos para marcar mais gols. Foram 77 gols em 92 partidas com a amarelinha.

Vale destacar que, os números indicados são oficiais da Fifa, que adota critério diferente da CBF. A diferença nos rankings se dá porque a CBF leva em consideração jogos do Brasil contra clubes, combinados e seleções de base. Para CBF, Neymar é apenas o quarto maior artilheiro e ainda precisa de seis gols para alcançar Ronaldo, com 67 gols.

Ainda quando era um menino, Neymar fez seu primeiro jogo pela Seleção no dia 10 de agosto de 2010, com gol e vitória por 2 a 0 sobre os Estados Unidos. De lá pra cá, o menino virou adulto e tem a confiança total de Tite.

Em entrevista coletiva na última segunda-feira, Tite destacou o amadurecimento de Neymar e comentou a possibilidade do camisa 10 igualar a marca de Ronaldo.

– Neymar é homem, não é mais garoto e já tem essa maturidade desenvolvida. Essa situação está cada vez mais em evolução, o que me deixa muito feliz.
Tenho certeza que se aparecer outro em condições melhores ele vai dar a bola. Objetivos individuais, quando agregam a equipe, são bons. Não é pecado fazer gol, não é pecado chegar numa marca. Estou falando em termos genéricos. Não é pecado passar a marca do Ronaldo. Dentro do espírito solidário da equipe isso é legal. É mais significativo – disse o treinador.

Top 5 goleadores da Seleção:

1º Pelé – 77 gols em 92 jogos
2º Ronaldo – 62 gols em 98 jogos
3º Neymar – 61 gols em 102 jogos
4º Romário – 55 gols em 70 jogos
5º Zico – 48 gols em 71 jogos

Fonte: esporte.ig.com.br/futebol/2020-10-13/neymar-pode-fazer-historia-e-passar-ronaldo-em-gols-pela-selecao-pele-lidera.html