Jornalista morre após parada cardíaca em Vilhena

O jornalista Abel Osias Labajos Ruiz, de 23 anos, morreu na noite deste domingo, 31, vítima de uma parada cardíaca em Vilhena.

O comunicador estava hospitalizado desde a tarde da última sexta-feira, no Hospital Regional de Vilhena.

De acordo com informações de familiares, Abel era portador da Síndrome de Marfan, o que ocasionou a morte.

Abel trabalhava desde os 15 anos no Jornal Folha de Vilhena e era acadêmico Jornalismo na Universidade Federal de Rondônia (Unir).

É filho do jornalista Osias Labajos e de Sara Ruiz.

O corpo do comunicador será velado das 8h às 10h desta segunda-feira, 1, na capela mortuária e depois enterrado no cemitério Cristo Rei.

A equipe do site se solidariza e pede a Deus consolo para todos os familiares e amigos neste momento de dor.