Por não aceitar separação, mulher vai ao cemitério para agredir ex-marido

Um homem de 54 anos denunciou a ex-mulher, de 48, nessa quinta-feira (16) de agredi-lo por não aceitar a separação dos dois.

Segundo o homem, a ex-mulher o procurou em seu local de trabalho, um cemitério de Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), e começou a discutir com ele.

Em meio à discussão, ela começou a agredi-lo – na cabeça, nas costas e nos braços – com um pedaço de pau e tijolos.

O homem precisou ser socorrido pelo genro e a suspeita ficou no portão do cemitério, esperando ele sair.

Enquanto aguardava o ex-marido, ela ainda quebrou e amassou o tanque, o retrovisor e o farol da motocicleta dele.

O homem procurou a polícia e denunciou a mulher por lesão corporal.

Encontrou algo errado na matéria?

Fonte: olivre.com.br/