Cenas lamentáveis: índios pisoteiam corpo de motorista, morto em acidente com carreta, para saquear a carga

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou uma série de eventos lamentáveis ocorridos na tarde desta quarta-feira (11) na BR-277, trecho próximo a Laranjeiras do Sul, na região centro-oeste do estado do Paraná.

Dois veículos, sendo uma carreta carregada de acessórios automotivos, bateram de frente, causando a morte do motorista desta.

Integrantes de uma tribo indígena, cuja aldeia se localizada próxima ao local do acidente, invadiram a pista em uma grande confusão generalizada para saquear a carga.

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram uma grande concentração de pessoas ao redor do veículo, dando trabalho para que os agentes da PRF pudessem conter a multidão.

O mais lamentável da ocorrência foi a falta de respeito com o motorista da van, o segundo veículo envolvido no acidente.

Vídeos divulgados nas redes sociais mostram os indígenas pisoteando o corpo do trabalhador, que aguardava a chegada da equipe do Instituto Médico Legal (IML), enquanto tentavam desesperadamente saquear o máximo possível da carga.

A pista precisou ser interditada nos dois sentidos da via. Mesmo com a chegada dos policiais, emitindo ordens expressas para que o saque fosse cessado, os indígenas ignoram e continuam na tentativa de arrombar a carreta para ter acesso à carga.

A guarnição da PRF, muito menor do que a quantidade de pessoas, não conseguiu impedir que a carga fosse saqueada. Um policial chegou a ser atingido com uma pedrada na cabeça.

Há relatos de que os indígenas iniciaram um arrastão nos veículos que ficaram parados na rodovia por conta do acidente mas, até o momento, não há nenhum registro oficial de roubo.

i7 News