Vale interrompe trabalhos no Complexo de Mariana após solicitação da Justiça

Vale Osni Alves Vale


A Vale interrompeu a produção de minério no Complexo de Marianana região metropolitana de Belo Horizonte, nesta sexta-feira (04), após determinação da Superintendência Regional do Trabalho. A solicitação acontece por precaução de possibilidade de estouro de barragem. 

De acordo com a mineradora, a Barragem Xingu está em nível 2 e ressaltou que a empresa está monitorando a área constantemente. 


Você viu?

“A barragem Xingu é monitorada e inspecionada diariamente por equipe técnica especializada e está incluída no plano de descaracterização de barragens da companhia. A Zona de Autossalvamento (ZAS) da Barragem Xingu permanece evacuada, não havendo a presença permanente de pessoas na área”, diz a companhia.

Também foram interditados alguns acessos internos da Mina Alegria, com impactos parciais na produção da usina estimados em 7,5 mil toneladas de finos de minério de ferro por dia.

O impacto estimado pelo fechamento do complexo de Mariana é de 40,5 mil toneladas de finos de minério de ferro por dia.

“A Vale está tomando todas as medidas necessárias para a retomada das atividades o mais breve possível, mantendo o foco nos cuidados necessários para garantir a segurança dos empregados e das comunidades localizadas no entorno de suas estruturas”, afirma a mineradora.


Fonte: ECONOMIA.IG.COM.BR