Polícia do Haiti mata 4 supostos assassinos de presidente e prende outros 2

jovenel moiseFoto de arquivo datada de 18/05/2021 do Presidente do Haiti, Jovenel Moise| Foto: JEAN MARC HERVE ABELARD/Agência EFE/Gazeta do PovoOuça este conteúdo

Quatro suspeitos do assassinato do presidente haitiano Jovenel Moïse foram mortos em um confronto com a polícia e outros dois foram presos na noite desta quarta-feira (7), disse o diretor-geral da Polícia Nacional do Haiti, Léon Charles. A operação policial também resultou na libertação de três policiais que haviam sido sequestrados pelos suspeitos de terem matado Moïse, disse Charles.

Moïse foi morto a tiros nesta madrugada quando um grupo de homens armados invadiu sua casa em Porto Príncipe, capital do país.

Mais cedo na noite desta quarta-feira (7), o secretário de Comunicação do país disse que foram presos “supostos assassinos” do presidente do Haiti. “Os supostos assassinos do presidente Moïse foram interceptados pela Polícia em Pelerin (bairro da capital Porto Príncipe) pouco antes das 18h”, anunciou mais cedo o secretário de Estado da Comunicação, Frantz Exantus, no Twitter, acrescentando que mais detalhes seriam revelados em breve.

A primeira-dama Martine Moïse também foi baleada no atentado e foi transportada nesta tarde para a Flórida (EUA) para tratamento em um hospital.

0xCompartilhe

Fonte: GAZETADOPOVO.COM.BR