Sitiante de 59 anos chegou a ser retirada da intubação, mas quadro se agravou e ela não resistiu à Covid-19

 
Terezinha morava em Vilhena, mas tinha sítio em Colorado do Oeste
 
Foi sepultado na manhã deste domingo, 20, o corpo da sitiante Terezinha Ferreira Branco. Ela tinha 59 anos e faleceu ontem à tarde, na “UTI Covid” do Hospital Regional de Vilhena.
 
Internada no dia 1º, após contrair o novo Coronavírus, Terezinha foi intubada três dias depois. Seu tratamento evoluiu e ela chegou a sair da intubação, mas o quadro da paciente se agravou e foi preciso refazer o procedimento.
 
Moradora do bairro Barão de Melgaço II, Terezinha também trabalhava em seu sítio, em Colorado do Oeste. Quando foi extubada, mesmo ainda com a saúde frágil, ela conversou a psicóloga que a atendia.
 
Além da própria sitiante, um filho dela, que é caminhoneiro, também contraiu a Covid-19 e passou 33 dias internado. Outro filho, mecânico em Comodoro (MT), passou 04 quatro dias internado. A filha foi a que menos sentiu os efeitos da doença e se curou com tratamento domiciliar.
 

Fonte: FOLHADOSULONLINE.COM.BR