Jack Dorsey confirma que deixará o cargo de CEO do Twitter

Jack Dorsey, CEO do Twitter Reprodução/Youtube Jack Dorsey, CEO do Twitter

Jack Patrick Dorsey, um dos fundadores do Twitter, confirmou que deixará o cargo de CEO da rede social nesta segunda-feira (29). O anúncio veio após o site norte-americano CNBC indicar a sua saída. Dorsey deve continuar apenas no comando da Square, seu braço de pagamentos digitais. 

Pelo próprio Twitter, o ex-CEO comunicou a novidade aos seus seguidores com uma imagem do e-mail em que avisa sobre a sua renúncia. Ele ainda revelou que Parag Agrawal, diretor de tecnologia da rede desde 2017, assumirá a liderança da empresa.

Antes disso, a última publicação de Dorsey no Twitter havia sido no domingo (28). Na ocasião, ele havia afirmado que “ama o Twitter”. O número de curtidas na publicação subiu para mais de 54 mil nesta segunda.

Há meses, Jack Patrick Dorsey vinha sofrendo pressão para deixar a liderança da rede social. No início de 2020, o grupo investidor Elliott Management, liderado pelo bilionário Paul Singer, teria pedido sua renúncia por não ver com bons olhos o fato de o empresário liderar duas empresas listadas na Bolsa de Valores.

O Twitter ainda não se pronunciou sobre o assunto. 

Fonte: TECNOLOGIA.IG.COM.BR