Portugal estende suspensão de voos partindo do Brasil e do Reino Unido

Felipe Carvalho Praça do Comércio, um dos principais pontos turísticos do centro de Lisboa, em Portugal









Você viu?

O Ministério do Interior de Portugal anunciou neste sábado, 13, a prorrogação da suspensão de voos que partem do Brasil e o Reino Unido até 1º de março, a fim de conter os números alarmantes de casos de coronavírus no país. O país lusitano já havia rejeitado os passageiros brasileiros no fim de janeiro devido ao aumento dos casos e devido à detecção de novas cepas do coronavírus.

A variante da Covid-19 brasileira, que surgiu em Manaus, foi detectada pela primeira vez em Portugal na última quarta-feira, enquanto que a nova cepa inglesa já havia sido registrada no final do ano passado, que pode ter sido o fator principal do aumento dos casos no país e que levou a rede hospitalar ao caos.


Para os brasileiros que são residentes europeus, o governo pede que seja apresentado um teste negativo para coronavírus com, no máximo, 72 horas de antecedência, e fazer uma quarentena de 14 dias ao chegar ao país. 

O ministro da Saúde da Itália, Roberto Speranza, também prorrogou a proibição de voos vindos do Brasil por conta da variante do coronavírus. Segundo ele, a luta contra a pandemia não para e a difusão das variantes impõe ao país prudência máxima.

“Por isso, acabei de assinar a prorrogação das limitações de entrada de viajantes provenientes do Brasil, admitindo a entrada apenas para quem tem a residência na Itália ou para casos excepcionais”, afirmou.

Fonte: TURISMO.IG.COM.BR