Vítima de violência doméstica conta que agressor já colocou absorvente usado em sua boca

Uma mulher de 51 anos procurou a polícia nessa terça-feira (1º) e contou os horrores que vem vivendo com o companheiro, de 52 anos, por ser vítima de violência doméstica.

Moradora do Bairro Tijucal, em Cuiabá, ela contou à polícia que convive com o suspeito há dois anos e que nesse tempo ele sempre foi agressivo com ela, mas ela nunca o denunciou por medo, já que após as agressões ele sempre dizia que “Cuiabá era pequena para ela se esconder”.

Nessa terça-feira, porém, o suspeito ligou inúmeras vezes e ela não atendeu. Quando saiu do trabalho, ela foi à policlínica buscar um exame e, depois, foi para casa.

Ao chegar em sua residência, foi agredida com um pedaço de pau. Machucada, ela resolveu procurar a polícia e denunciar o agressor.

Aos policiais, ela contou sobre as inúmeras vezes em que foi vítima de agressões e que, em uma ocasião, o marido chegou a jogá-la em uma cama, tirou o absorvente que ela usava, disse que iria olhar se tinha esperma de outro homem e depois colocou o absorvente à força na boca dela, chegando a cortar os lábios da vítima com as unhas dele.

Já sem saber o que fazer, ela pediu ajuda à polícia. O caso foi registrado como lesão corporal e ameaça.

Encontrou algo errado na matéria?

Fonte: olivre.com.br/