Professor envia foto em que aparece despido para alunos do 7º ano e causa revolta nos pais

A Secretaria de Educação do estado de São Paulo investiga a conduta irregular de um professor do ensino fundamental da cidade de Campinas. O homem enviou uma fotografia para o grupo de estudantes em um aplicativo de mensagens instantâneas na qual aparece completamente despido. Segundo ele, o envio foi feito por engano.

O caso foi registrado nesta sexta-feira, dia 16 de outubro, causando revolta nos demais professores e pais dos alunos. Em virtude da conduta, o decente foi afastado de suas funções até que as investigações sejam completamente findados.

Indignados, os pais dos alunos afirmam que as crianças do 7º ano do Ensino Fundamental ficaram “em choque” com a cena. Em virtude da conduta reprovável do professor, muitos estão pedindo o afastamento em definitivo das funções.

Em entrevista concedida para o portal UOL, uma das mães cuja filha estuda na Escola Estadual Gustavo Marcondes, no bairro Taquaral, afirmou que a criança lhe procurou dizendo que o professor estava enviando mensagens estranhas para os alunos, causando um enorme constrangimento.

Ao pegar o celular da criança para analisar o que estava acontecendo, a mãe removeu o número do grupo de estudantes de maneira imediata. Segundo ela, a filha ficou muito envergonhada com a situação.

O docente enviou, às 7h45, mensagens que faziam referências ao naturismo (prática em que as pessoas ficam nuas), e logo após uma foto em que aparece nu segurando um copo de achocolatado. Na legenda, o professor escreveu: “Bom dia, pelados. Com achocolatado gelado e corpo pelado. Ótimo dia de chuva a todos. Beijos, pelados”. O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Defesa da Mulher da cidade de Campinas pela mãe de um outro aluno.

 

Fonte: www.i7news.com.br/