Pai de vítima do serial killer do DF conta o que 'psicopata' fez com sua filha: 'Ele obrigou'

Policiais de Goiás e do Distrito Federal montaram força-tarefa para encontrar o serial killer Lázaro Barbosa, de 33 anos. O homem é suspeito de ter matado quatro pessoas da mesma família – um casal e dois filhos – em Ceilândia (DF), no dia 9.

Pai e filhos foram mortos na casa. A mulher foi levada pelo psicopata e o corpo foi encontrado três dias depois com requintes de crueldade. Desde aquele dia, Lázaro está foragido da Polícia e as buscas seguem intensas em cidades de Goiás e no Distrito Federal.

No mesmo dia em que assassinou a família, Lázaro fez outras vítimas. O criminoso invadiu uma chácara e fez duas pessoas reféns. O pai de uma das reféns contou o que o serial killer fez com sua filha em entrevista ao DF1, exibido pela TV Globo.

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1021620.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

“Ele obrigou ela a fazer comida pra ele, que ele disse que tava com fome. Depois foi, tomou banho. Foi embora. Levou o celular, levou um dinheiro que ela tinha”, contou o homem sobre a filha vítima de Lázaro. Ontem, uma família foi feita refém pelo criminoso.

Ficha criminal

Lázaro Barbosa tem cometido crimes desde 2007. Ele já fez vítimas na Bahia, em Goiás e no Distrito Federal. O serial killer foi preso, mas fugiu da cadeia em três oportunidades. O criminoso já cometeu homicídios, roubos e estupros.

Na fuga, desde a semana passada, ele baleou policiais, fez pessoas reféns e ateou fogo em carro. No momento, os moradores das cidades por onde ele passou estão apreensivos e com medo de que ele continue solto.  A força-tarefa montada pela polícia conta mais de 300 agentes que trabalham sem cessar em busca do serial killer.

Continue Lendo Comunicar Erro
(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://jsc.mgid.com/i/7/i7news.com.br.1014215.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
$.getScript(‘https://assets.revcontent.com/master/delivery.js’);
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

(function($){
var count_to_contab = false;

$(‘body, html’).bind(‘touchstart touchmove scroll mousedown DOMMouseScroll mousewheel’, function(e){
if(count_to_contab == false){
var script=document.createElement(‘script’);script.src=’https://backstage.i7.network/tags/728a61cb4d272644/index.js?rd=’+(Math.random()*10000000000000000);document.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(script);script.onload=function(){new i7Tag({‘placement’:’i7_articles_feed’});}
}

count_to_contab = true;
});
})(jQuery);

Fonte: I7NEWS.IG.COM.BR