Copa América: Conmebol anuncia suspensão da competição na Argentina

Conmebol anuncia suspensão da Copa América na Argentina Divulgação Conmebol anuncia suspensão da Copa América na Argentina

A Conmebol anunciou na noite deste domingo (30) a suspensão da Copa América na Argentina. O país, que seria a sede do torneio com início marcado para 11 de junho, teve um agravamento no controle da pandemia da Covid-19. Agora, a confederação informa que irá analisar a oferta de outros países que mostraram interesse em abrigar o torneio continental.

– A Conmebol informa que pelas presentes circunstâncias decidiu suspender a organização da Copa América na Argentina. A Conmebol analisa a oferta de outros países que manifestaram interesse em sediar o torneio continental – disse a confederação em nota nas redes sociais.

imagem29-06-2021-03-06-17 Foto: Reprodução imagem29-06-2021-03-06-17 Foto: El Confidencial / Reprodução imagem29-06-2021-03-06-18 Foto: Reprodução / Seleção Peruana imagem29-06-2021-03-06-18 Foto: Reprodução / Peru imagem29-06-2021-03-06-18 Foto: Reprodução imagem29-06-2021-03-06-19 Foto: Reprodução imagem29-06-2021-03-06-19 Foto: CONMEBOL/DIVULGAÇÃO imagem29-06-2021-03-06-20 Foto: Reprodução imagem29-06-2021-03-06-20 Foto: Reprodução imagem29-06-2021-03-06-20 Foto: CONMEBOL/DIVULGAÇÃO imagem29-06-2021-03-06-21


Na semana passada, a Argentina já havia suspendido os jogos de futebol no país após o avanço da Covid-19. A ministra da Saúde da Argentina, Carla Vizzotti, afirmou neste domingo que a realização da Copa América “não estava 100% definida”, já que o país vive seu pior momento na pandemia.

Outras sedes alternativas estão sendo cogitadas para abrigar a competição.  Os EUA são vistos como um potencial destino, devido à condição em que o país se encontra no enfrentamento da pandemia, com a vacinação em massa em estágio avançado.

O plano inicial da Conmebol era dividir as partidas do campeonato entre a Argentina e Colômbia. Entretanto, devido aos recentes conflitos no país, que já deixaram mais de 50 mortos, o governo colombiano tomou a decisão de desistir da organização do torneio.

Fonte: ESPORTE.IG.COM.BR