Guarda-roupa organizado: saiba como otimizar espaço para as roupas

Saiba como otimizar espaço para as roupas Divulgação/5àsec Saiba como otimizar espaço para as roupas

Resumo

A organização de itens no guarda-roupa ainda gera muitas dúvidas sobre qual a melhor forma de otimizar espaço e manter tudo arrumado com mais eficiência. O que dobrar e o que pendurar são as indecisões que fazem parte do dia a dia de muitos brasileiros, principalmente, para que aqueles que não dispõem de um ambiente amplo destinado às peças de vestuário. Para ajudar com esta tarefa, a personal organizer especializada em mudanças, Márcia Regina Ritter Porto, ensina quais os melhores métodos para se ter um guarda-roupa funcional.

“Sempre digo que para manter um guarda-roupa organizado é preciso seguir um passo a passo com cinco tópicos. Selecionar, categorizar, encontrar um endereço, ou seja, um local para as roupas, organizar e revisar. Estes são os principais norteadores para manter tudo no lugar de forma funcional para a rotina”, comenta Márcia.

Quais peças podem ser dobradas e quais devem ser penduradas em cabides?

Tudo depende do espaço disponível e do tipo de tecido da roupa. Hoje em dia, muitas peças podem ser penduradas e dobradas. Casacos, ternos, camisas, peças em jeans, calças e camisetas são alguns exemplos de itens que podem ser pendurados e ajudam na otimização do espaço em prateleiras. Já blusas de lã, moletons, shorts, tricôs e peças infantis com pedrarias e detalhes podem ser dobradas. No caso dos vestidos, alguns podem ser armazenados em caixas, pendurados e até dobrados. Fique atento: sempre é preciso avaliar qual a melhor forma de guardar de acordo com cada textura.

Otimização de espaço

Você viu?

É preciso observar caso a caso, mas para quem planeja organizar seu guarda-roupa é indicado analisar e intender sua rotina, para então definir a melhor forma de arrumação. Crie um sistema para que tudo seja mais funcional e que agilize na escolha de uma peça. Uma dica valiosa é, se tirar alguma roupa do armário, coloque de volta imediatamente para que não desorganize o espaço e acumule tarefas.

Limpeza das roupas

O mais indicado é lavar a roupa a cada utilização para não manchar e evitar o mau cheiro. Dessa forma, o guarda-roupa sempre ficará cheiroso. Mas se por questões de clima e tempo a lavagem não for realizada, deixe a peça pendurada em um local arejado e borrife água de lençol ou faça uma solução caseira composta por 500ml de água morna, duas colheres de sopa de bicarbonato de sódio e três colheres de sopa de amaciante concentrado, e borrife. Para roupas com pedrarias, detalhes sensíveis ou grandes peças, como vestidos e ternos, prefira levar em uma lavanderia especializada, que ofereça serviços de limpeza e passadoria destinados para os cuidados de peças de todos os tipos e tecidos.

Desapegue

Outra dica para manter as roupas organizadas é praticar o desapego de peças que não usa mais. Analise o que realmente veste e, se possível, faça uma consultoria de estilo. Deixe uma caixa próxima ao guarda-roupa para depositar roupas que não gostar mais, as danificadas ou que não servem mais. Defina um dia específico para esvaziar a caixa do desapego e sempre cumpra a tarefa para manter a rotina.

Fonte: DELAS.IG.COM.BR