Matadouro de carne de cachorro é fechado e 15 cães vivos são resgatados

Publicidade

Mais uma vitória para a causa animal marcou esse mês de agosto. No dia 5 a organização global de bem-estar animal, Four Paws (Quatro Patas em tradução livre), conseguiu fechar um matadouro que vendia carne de cachorro e resgatou 15 cães vivos que seriam usados para o abate e consumo. O caso aconteceu no Camboja, na província de Siem Reap. 

Felizmente, nessa mesma província foi proibida a venda e consumo de carne de cachorro nos últimos dias. Essa é a primeira província cambojana a ter essa importante iniciativa na causa animal. O Four Paws estima que anualmente cerca de 3 milhões de cães sejam mortos no país para consumo.

O matadouro fechado chegava a matar até 3 mil cães por ano e abastecia cidades vizinhas. Acredita-se que com o fechamento, o consumo e venda da carne de cachorro será interrompido no entorno da província.

Publicidade

A fim de não deixar os antigos donos do matadouro sem condições de se manter e evitar a clandestinidade, auxiliaram para que abram um supermercado com a venda de produtos sustentáveis. Segundo a organização, os donos e funcionários se mostraram com remorso pela prática e desejavam colocar um fim do matadouro. As gaiolas e demais equipamentos usados no matadouro foram levados para facilitar a transição e fim do negócio.

Publicidade Publicidade

Os 15 cães que estavam presos em gaiolas enferrujadas aguardando o abate foram resgatados e levados para a Animal Rescue Cambodia, organização parceira do Four Paws. Os animais continuarão no local sendo alimentados e recebendo cuidados médicos. Assim que estiverem prontos, serão colocados para adoção. Antes, eles devem permanecer alguns meses sendo cuidados para se recuperarem do trauma que viveram no matadouro.

Agora o Four Paws trabalha para que a proibição local se torne válida também em todo o país. Vale ressaltar que após a atual pandemia do novo coronavírus, outros locais do mundo começaram a proibir o consumo de carne de cachorro e de outros animais. Esse é o caso de algumas cidades chinesas, que aboliram a prática. A China é um dos países que mais consome carne de cachorro em todo o mundo.

Felizmente, no Brasil a venda e consumo de carne de cachorro é proibida e quem vender ou preparar qualquer prato que a contenha como ingrediente, pode responder criminalmente pelo ato, além de ter o alvará do estabelecimento suspenso, sem prejuízo de também responder por eventual ação cível por danos morais, contra quem consumiu o alimento proibido.

Continue Lendo Comunicar Erro imagem23-08-2020-22-08-11 Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece CLIQUE AQUI

Fonte: www.i7news.com.br/noticia/24007/mundo/matadouro-de-carne-de-cachorro-e-fechado-e-15-caes-vivos-sao-resgatados-20082020