ANÁLISE: Lepac de RO é referência laboratorial do Norte do país em saúde

28px;”>INVESTIMENTOS   A nova plataforma de automação de sistema modular, que foi inaugurado em junho deste ano, duplicou a capacidade instalada, sendo capaz de realizar aproximadamente 720 testes/hora de imunologia-hormônio, e 4.

000 testes/hora de bioquímica clínica.   Com os novos equipamentos e um ambiente mais estruturado, o Lepac prevê realizar aproximadamente mais de três milhões de exames laboratoriais até o final deste ano. O investimento na plataforma de automação modular foi de R$ 14. 800.

00,00 (quatorze milhões e oitocentos mil reais).   Foram feitos outros investimentos na Rede de Patologia Clínica Estadual, na organização dos laboratórios de Hematologia; Hemostasia; Ponit of Care; Gasometria; Bioquímica e Imunologia, com o custeio de aproximadamente R$ 3. 770. 380,00 (três milhões, setecentos e setenta mil, trezentos e oitenta reais). O investimento total é de R$ 18. 570.

380,54 (dezoito milhões, quinhentos e setenta mil, trezentos e oitenta reais, cinquenta e quatro centavos).   O Lepac também recebeu reformas na estrutura física, que tiveram início no final de 2021, sendo entregue em março deste ano, não interferindo no processo de realização dos exames no laboratório.

Houve uma reforma completa na cobertura, com a estruturação de telhas metálicas, troca de calhas, rufos e chapins, além de pintura interna e externa, além da impermeabilização das lajes da entrada frontal e traseira.

  A reforma aconteceu em conjunto com a realizada na Policlínica Oswaldo Cruz, e o investimento total foi de R$ 504. 740,15 (quinhentos e quatro mil, setecentos e quarenta reais, e quinze centavos).   <span style="font-size

Fonte: RONDONIAOVIVO.COM