Globo paralisa gravações de obras por conta do agravamento da pandemia

Reprodução/TV Globo “Nos Tempos do Imperador” pode ir ao ar só em 2021

A pandemia da covid-19 chega ao pior momento no Brasil e tem batido um triste recorde de mortes todos os dias. A indústria do entretenimento foi fortemente afetada pela crise provocada pelo coronavírus.

Com teatros e casas de shows fechadas para evitar aglomerações, os atores, cantores e outros profissionais das artes tiveram que se reinventar. As gravações de séries, filmes e novelas também sofreram um grande impacto. Nesta terça-feira, a  Rede Globo anunciou que vai parar novamente as gravações de obras de dramaturgia por conta do agravamento da doença. A emissora já havia tomado decisão semelhante em março do ano passado.

Segundo a Globo, a medida não interfere na programação atual. No entanto, ela mexe com as produções de novas novelas, como as já esperadas “Um Lugar ao Sol”, “Quanto Mais Vida Melhor” e “Nos Tempos do Imperador”. “Um Lugar ao Sol”, inclusive, estrearia após o fim de “Amor de Mãe”, mas a emissora já anunciou que vai exibir um compacto de “Império” quando a atual novela das 21h chegar ao fim.

“Em decorrência do agravamento da crise pandêmica e das medidas restritivas estabelecidas pelas autoridades locais, a Globo se antecipou e definiu que, a partir do dia 23 de março, as gravações das obras de dramaturgia serão interrompidas. Séries e novelas só deverão voltar a gravar no dia 4 de abril, ao final do prazo decretado pelas Prefeituras do Rio de Janeiro e São Paulo. As novas medidas não impactam na programação da TV Globo”, diz a emissora em comunicado.

Você viu?

Primeira paralisação

As novelas “Amor de Mãe” e “Salve-se Quem Puder” tiveram seus cronogramas de gravação interrompidos logo no início da pandemia, em março do ano passado. Com isso, a Globo passou a exibir compactos de tramas que já tinham ido ao ar, como foi o caso de “Fina Estampa” e “A Força da Querer”, que foram reprisadas no horário nobre.

“Amor de Mãe” retomou as gravações em agosto de 2020, seguindo protocolos rigorosos de segurança durante os três meses restantes de trabalho. Os atores eram separados por peças de acrílico entre eles e também foram isolados em hotéis antes de voltarem aos estúdios. Todos fizeram testes de covid-19.

‘Pantanal’ sem data de estreia definida

Uma das produções mais aguardadas é o remake de “Pantanal”, de Benedito Ruy Barbosa. Mas, por conta da pandemia de coronavírus, a novela ainda não tem data de estreia definida. Em vídeo promocional lançado na semana passada, a Globo afirmou que ‘Pantanal’ pode estrear no final deste ano ou no início do ano que vem. O vídeo em questão é narrado por Regina Casé, que fez as vezes de sua personagem em “Amor de Mãe”, dona Lurdes.

“Chega de saudade, as novelas da Globo estão voltando. Vai ser aos poucos, com todo cuidado. No mês que vem, quando acabar ‘Amor de Mãe’ estreia ‘Império’. A gente teve que programar mais uma reprise às 21h para dar tempo de adiantar ‘Um Lugar ao Sol’, que ficou para o segundo semestre… Em julho, estreia a nova novela das 19h, ‘Quanto Mais Vida Melhor’. Em agosto, no horário das 18h, vem um novelão histórico: ‘Nos Tempos do Imperador’. E ainda tem uma surpresa, uma superprodução. Como protagonista, a natureza do Brasil, o coração de uma das regiões mais bonitas do mundo: ‘Pantanal’. Não dá pra saber se estreia esse ano ou no começo do ano que vem. Isso, como tudo, está dependendo da situação da covid. Mas aqui na Globo, a gente está trabalhando com muito cuidado, para trazer de volta as novelas”.

Fonte: GENTE.IG.COM.BR